Blog

A interação da Nanotecnologia na Saúde Humana e no Meio Ambiente

Quando se fala em Nanotecnologia, um dos temas discutidos e de grande importância é o impacto na saúde humana e no meio ambiente. Essa tendência tecnológica já se encontra em diversos produtos que estão em supermercados, farmácias.

 

Por isso vem a preocupação de entender o que acontece quando estamos usando produtos com nanotecnologia. Por exemplo, uma camiseta de corrida ou um sapato que possui um antimicrobiano a base de nanopartículas de prata. O que ocorre com a interação de nossa pele com essas nanopartículas?

 

Nanotecnologia na Saúde Humana e no Meio Ambiente

A prata é conhecida pelos seus efeitos antimicrobianos desde a antiguidade. Nos últimos 60 anos ela veio sendo usada na forma coloidal ou nanoparticulada, combatendo microrganismos nocivos de maneira extremamente eficiente. Ao contrário de outros produtos, como a antiga penicilina, a nanoprata não seleciona bactérias mais resistentes, evitando a criação de superbactérias.

 

A nanoprata também é comprovadamente inócua à saúde da pele e sua microflora, conforme estudos realizados pelo renomado Instituto Hohenstein (Alemanha), o qual foca em pesquisas e certificações para a industrial têxtil. Testes com 60 pessoas utilizando camisetas tratadas foram realizados.

 

Após longos períodos de tempo a microflora da pele foi analisada e comparada com pele sem contato com nanopartículas de prata. Nenhuma alteração ou diferença significativa foi encontrada.

 

Clique nos links abaixo para acessar o estudo que fala sobre as nanopartículas de prata e a interação com a pele humana

http://advancedtextilessource.com/2013/09/new-product-label-skin-flora-neutral/

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3262534/

 

Os Estudos sobre a interação entre a Nanotecnologia e o Meio Ambiente realizados por instituições de pesquisa independentes que mostram como o efeito da nanopartícula de prata ocorre ao meio ambiente.

 

A nanoprata, em contato com o lodo de encanamentos e estações de tratamento, se transforma rapidamente de prata metálica em sulfeto de prata perdendo seu potencial antimicrobiano e de deixando de ser nano, facilitando a filtração e remoção do material.

 

Além do mais, com a Nanotecnologia, tem-se a vantagem de que mesmo com pouquíssimo material é possível alcançar excelente resultado de eficiência, ou seja, com menos material temos mais efeito.

 

Clique no link abaixo para acessar o material referente as nanopartículas de prata e a interação com a água

http://www.nanowerk.com/news2/newsid=30071.php

 


No site do Instituto Hohenstein é possível realizar o download na íntegra do material a respeito de Nanotecnologia, Saúde e Meio Ambiente (Nanotechnology, Human Health and the Environment)

 

Segue link do vídeo (download): Clique aqui